terça-feira, 30 de junho de 2009

Halo ODST terá mundo aberto !!

Falando ao jornal Seattle Times, Joseph Staten, roteirista do vindouro Halo ODST na Bungie, declarou que este não será um jogo de tiro linear como tradicionalmente na série. Na verdade, o título mistura elementos tradicionais de tiro com a exploração de mundo aberto de produções como GTA.

http://halo3odst.info/wp-content/uploads/2009/01/halo3_odst2.jpg

"Estamos fazendo muitas coisas legais em termos de combinação, introduzindo alguma exploração livre, não-linear"
, disse ele ao jornal. "Essa também é uma história misteriosa então haverá muito mais de buscas por pistas e resolução de mistérios do que você normalmente encontra em um jogo desse tipo - nada que o tir muito da experiência divertida de 'Halo', mas definitivamente decidimos tomar um pouco de risco e nos divertimos um pouco com esse".


ODST permite que os jogadores explorem o mundo tentando encontrar pistas para revelar o que aconteceu com os outros membros do grupo OSDT. Quando um jogador quer entrar em uma missão, eles simplesmente se dirigem a locais específicos na cidade para dispitar um flashback, de acordo com a matéria publicada pelo jornal.

Rumor: PS3 Slim logo começará a ser fabricado

Estão correndo uns boatos de que duas companhias de Taiwan assinaram contrato com a Sony para darem início a fabricação do PS3 Slim.De acordo com o UDN.com, um contrato foi para a Foxcoon e o outro para Pegatron, ambas empresas cituadas em Taiwan.

Mais surpreendente, as primeiras unidades são esperadas para o início de Julho “para cobrir as demandas das férias de verão.”

Não vou deixar de lembrar de que isso é apenas um rumor até que provem o contrário, mas saibam todos que a Foxconn e a Pegatron trabalharam no PS3 original.

Novidades e imagens inéditas de Forza III

A Turn 10 disse hoje que quatro pistas japonesas serão incluídas em Forza 3, que chega com exclusividade ao Xbox 360 em Outubro.

São quatro pistas, porém se encontram em três avenidas. Estamos falando de Suzuka Circuit, Twin Ring Motegi e Tsukaba Circuit.

Uma lista de 17 carros nipônicos também foi disponibilizada pela desenvoldora.

* Production 2009 Lexus IS F
* Production 2008 Infiniti G37 Coupe Sport
* Production 2009 Mazda Mazdaspeed 3
* Production 2006 Mitsubishi Lancer Evolution IX MR
* Production 2010 Nissan 370Z
* Production 2009 Nissan Versa SL
* Production 2008 Subaru Impreza WRX STi
* Production 2008 Toyota Yaris S
* Production 2009 Honda Fit Sport
* Race Car 2008 Nissan #12 CALSONIC IMPUL GT-R
* Race Car 2008 Nissan #23 XANAVI NISMO GT-R
* Race Car 2008 Nissan #24 ADVAN Clarion GT-R
* Race Car 1997 Nissan #23 Nissan Motorsports R390
* Race Car 2008 Nissan #3 YellowHat YMS TOMICA GT-R
* Race Car 2008 Toyota #25 ECLIPSE ADVAN SC430
* Race Car 2008 Toyota #36 PETRONAS TOM’S SC430
* Race Car 2008 Toyota #6 ENEOS SC430

Ainda não está empolgado? OK! Veja e comente o que achou:

Monolith oferece emprego para um novo jogo AAA

projectorigin

A Monolith (F.E.A.R. 1, F.E.A.R. 2: Project Origin, Condemned 1 e 2, No One Lives Forever e Contract J.A.C.K.) anunciou ofertas de emprego para o desenvolvimento de um novo “jogo AAA de ação em primeira pessoa”. O anúncio diz o seguinte:

“Trabalhe junto com engenheiros, designers e artistas na criação de sistemas de jogos para um AAA no Xbox 360, PlayStation 3 e PC.”

Designer de God of War cria estátua de Akuma

akuma1

Simplesmente impressionante! A estátua tem cerca de 30 centímetros de altura e deve ser lançada em Setembro com o preço estimado de US$ 120,00. Quem assina essa maravilha é Katon Callaway, designer da equipe de God of War III. Segure seu queixo e veja abaixo o protótipo apresentado (clique para ampliar):

akuma2

Além do Akuma, a SOTA Toys pretende lançar estátuas da Cammy, Bison e Guile.

Análise : Magic: The Gathering - Duels of the Planeswalker [Xbox 360]

by Wagner Araújo do site GoLuck

Depois de uma semana testando o jogo chega a hora de analisar a experiência e desde já adianto que foi uma semana bem divertida, o “novo” Magic consegue ser divertido para os veteranos e agradável aos novatos, porém se você chegou até aqui sem saber o que é Magic senta que lá vem história…

http://www.gamersglobal.com/files/imagecache/full_teaser/files/news_teaser/magic%20the%20gathering.jpg

Magic: The Gathering é um jogo de cartas colecionáveis criado em 1993 pelo matemático Richard Garfield e publicado pela Wizards of the Coast (a mesma do atual Dungeons & Dragons). Além da possibilidade de colecionar as cartas o Magic fundamenta-se no fator da disputa, onde cada jogador elabora seu baralho (também conhecido como grimório) para realizar disputas contra outros jogadores. Cada baralho possui uma seleção de magias e criaturas que devem ser usadas para em conjunto derrotar o “mago” oponente. Claro que essa explicação é bem simples e resumida, afinal depois de mais de uma década de novas cartas e estrategias lançadas os baralhos variam tanto que é impossível definir uma única estratégia para o jogo.

Para que as disputas fiquem equilibradas existem vários “tipos” de jogo ou modalidades, onde define-se quais conjuntos de cartas (expansões) podem ser usadas, assim como as cartas proibidas (banidas) e o número de cartas minimo para o baralho. Independente da modalidade as regras do jogo permanecem as mesmas, assim como o funcionamento dos efeitos das cartas.

magic-the-gathering-duels-of-the-planeswalkers-20090113031444284

Fiz questão de falar um pouquinho sobre o jogo para que a análise a seguir possa fazer referência direta ao jogo de mesa já que diferente de uma adaptação qualquer a ideia de Duels of the Planeswalkers é trazer para o console a mesma jogabilidade e as regras que se têm no jogo convencional.

Não é a primeira vez que a Wizards leva o Magic para o ambiente virtual, já em 97 os PCs recebiam Magic: The Gathering (é, simples assim) onde era possível explorar o plano de Shandalar (numa espécie de RPG) e disputar partidas contra os personagens do jogo. Houve ainda um patch para esse jogo que permitia disputas online entre os jogadores, lembro de tentar usá-lo na época, porém sem sucesso. O que mais chama a atenção para o jogo é a fidelidade com as regras e a possibilidade de editar o baralho e elaborar muitas estratégias, pena que o número de cartas era bem limitado, tornando o jogo extremamente defasado.

Ainda em 97 o Magic receberia adaptações para o Arcade e um RTS para PC, porém ambas versões usam apenas o universo do jogo e não seu formato.

Em 2001 chega aos consoles pela primeira vez com uma versão exclusiva para o Dreamcast no Japão e em 2003 um novo jogo baseado no universo de Magic é lançado para Pcs, Xbox e Playstation, porém sem bons resultados. Nesse meio tempo a Wizards lança o que então seria a versão definitiva para o Magic virtual, chega ao mercado em 2002 o Magic: The Gathering Online apresentando as expansões lançadas naquele ano e sendo atualizado sempre que novas cartas são lançadas. Além de permitir campeonatos oficiais e compra e venda de cartas entre os jogadores o Magic Online sagra-se como plataforma ideal para as disputas, fazendo com que muitos jogadores abandonassem as cartas de papel para seguir o hobby no mundo virtual.

Tela 2

Agora que já fizemos um pequeno tour pelo passado virtual do Magic vamos conversar sobre o seu presente, em Duel of the Planeswalkers temos não só o ambiente, mas também toda a mecânica de Magic, só que apresentada de uma forma bem amigável para os iniciantes, o que pode frustar um pouco os jogadores veteranos. De cara me decepcionei por não existir um modo para edição dos baralhos, deixando o jogo limitado aos baralhos iniciais e posteriormente aos que são desbloqueados no modo campanha.


A principio isso me chateou, mas então percebi que essa limitação faz parte do objetivo do jogo, tornar as partidas mais disputadas impossibilitando a construção de combos que possam desequilibrar o número limitado de cartas. Para não deixar o jogo sem nenhuma possibilidade de edição há um modo onde é possível acrescentar ou retirar cartas do baralho, mas apenas as que são desbloqueadas também no modo campanha (geralmente 17 novas para cada baralho).

No modo campanha é possível jogar sozinho ou em dupla no multipalyer local. Já na Live as disputas podem ocorrer entre até quatro jogadores no melhor estilo cada um por si, ou em duplas restritas também ao multiplayer local. Ainda há o modo challenge onde são apresentados desafios do tipo “vença nesse turno” onde um jogo em andamento é apresentado e você deve derrotar o oponente com as cartas que tem em mãos e na mesa, é muito divertido, porém as 8 situações disponibilizadas podem ser vencidas rapidamente, fica a esperança de que surjam novas no futuro.

Parra mim a grande diversão do jogo está no fator saudosista, já que faz tempo que não jogo Magic. Houve um tempo em que Camilo, Eduardo, Lucas e eu participávamos ativamente de torneios oficiais conseguindo boas qualificações e até mesmo vencendo alguns, nessa época o Camilo era conhecido como “El Diablo Selado” pela sua habilidade no formato Booster Draft, onde se recebe os pacotinhos de cartas lacrados e deve-se montar o baralho na hora usando as cartas que você tirar.

tela

O formato apresentado pelo Duels é muito promissor já que existe a possibilidade de download de conteúdo, possivelmente com novos baralhos e quem sabe modos de jogo. Acredito que um editor de decks não será disponibilizado, até mesmo para não gerar uma disputa com o já citado Magic Online. Duels é uma ótima experiência de jogo e uma porta de entrada para futuros jogadores que em busca de algo mais completo acabem migrando para o Magic Online ou para as disputas reais pelas mesas do Brasil e quem sabe do mundo.

E se é uma nota que você espera no final ela é 9.

Próximo RPG da Tri-Ace tem pistolas demais e espadas de menos?

Resonance of Fate [EUA] ou End of Eternity [JP], nomes diferentes para o mesmo game. Só para não confundir ninguém. Nomes à parte, o trailer abaixo mostra um pouco do gameplay do próximo RPG da Tri-Ace (Star Ocean e Valkyrie Profile), que será distribuido pela Sega.

Os protagonistas atacam com armas e pistolas e inimigos revidam da mesma maneira. Nenhuma espada? Alguns acham que é uma ferramenta essencial em um RPG. Será que terá magias? Alguém já jogou algum RPG assim? Adorei a idéia!! É bom variar um pouco e tentar coisas novas.

Lançamento no Japão no fim de 2009 e em 2010 na América. Para Playstation 3 e Xbox 360.

Trailer de BlazBlue: Calamity Trigger [X360 & PS3]

Um trailer novo de BlazBlue, aproveitando que esta é a semana de lançamento do game aqui no ocidente! Estava mesmo fazendo falta um game novo e original de luta. Eu gosto de remakes e continuações de franquias consagradas, mas é bem vez ou outra injetar um pouco de sangue novo. BlazBlue está aí para isso! Sem falar em todo o charme dos gráficos em 2D de altíssima definição.

Só um detalhe. No trailer acima, ele apresenta 12 personagens. Será que o game só tem isso de lutadores? Bem abaixo da média atual dos games de luta, que lista de 20 para mais personagens. Alguém sabe se tem alguns secretos pra alavancar a lista final de personagens no game?

Gears of War e Splinter Cell ganham novos livros

Grande notícia em dobro para os fãs da boa e velha leitura. Chegou hoje nas melhores livrarias dos EUA um livro de Gears of War. Como se não bastasse conhecemos também o novo livro de Splinter Cell.

O livro de Gears of War é chamado de “Jacinto’ Remnant” e custa $15. A história foi escrita pela genial Karen Traviss e dá continuidade aos eventos do segundo game. Karen é a mente brilhante por trás da famosa série Star Wars: Republic Commando.

Já o livro de Splinter Cell, não surpreendentemente, se chama “Conviction“, e será lançada no dia 27 de Outubro. Será sua por $10.

Se você está na terra do Tio Sam neste momento recomendo que não perca tempo antes dos livrinho ser varado das prateleiras.

Quanto ao mercado brasileiro, nos resta esperar que uma editora bondosa traga essas belezinhas até nós em boa qualidade e corretamente traduzidas. O que pode demorar, já que a primeira HQ de Gears of War ainda não chegou por aqui.

Ler um pouco é bom de vez em quando.

Na verdade o novo livro de Gears of War ainda está em pré-venda. Será lançado no dia 28 de Julho. Pelo menos falta menos de um mês.

Sony preparando emulador de PS2 no Playstation 3?

emotionengine

Os novos PS3 – o meu incluso – não contam com qualquer retrocompatibilidade com os jogos de PS2 o que é bastante irritante. Ao que parece a Sony sabe que estamos insatisfeitos e planeja um emulador.

A Sony patenteou um sistema de emulação do Emotion Engine – processador do PS2 – para o Cell – processador do PS3 – o que permitiria, através de uma atualização, rodar jogos da geração passada no atual console.

Vamos torcer que a patente se concretize em uma atualização real.

Mais informações na Siliconera.

EA irá lançar “duas ou três novas franquias por ano”

Frank Gibeau, presidente da gigante EA Games, contou ao Gamasutra que os próximos três anos podem reservar nove novas propriedades intelectuais da firma.

“É difícil prever, mas eu acho que nós provavelmente estaremos lançando duas ou três novas franquias a cada ano,” ele disse, “Me sinto satisfeito com isso,” adicionou o executivo.

“Nosso objetivo agora é lançar três novas IP* por ano. Considerando todos os estúdios internos da EA, eu posso dizer com segurança de que serão no mínimo duas novas IP*.

Gibeau disse mais cendo na entrevista, no entanto, que erros foram cometidos no lançamento de novas franquias em 2008.

“Eu acho que lançamos muitas novidades de uma vez no terceiro trimestre,” ele disse.

“Eu teria espalhado melhor e achado melhores momentos para jogá-las no mercado. Eu teria feito mais marketing em cima delas. O ciclo de marketing foi muito pequeno.

“Nós não tivemos o tempo necessário para construir realmente uma base de fãs, uma comunidade, e obter a devida demanda.”

* Intellectual properties – ou traduzindo – propriedades intelectuais, A.K.A*² franquias.

*² Also Known As – ou traduzindo – também conhecido como.

Chega de asteriscos.

Dark Void será lançado simultaneamente para PC e consoles

A Capcom confirmou hoje que Dark Void será lançado no mesmo dia para PC e consoles.

Isso é incomum, já que a companhia é conhecida por lançar seus games multiplataforma vários meses depois do lançamento para consoles.

O projeto da Airtight Games – que parecia incrível nos vídeos da E3 – será lançado para PC, PS3 e Xbox 360 ainda em 2009. Não temos uma data específica ainda.

A firma está investindo bastante na plataforma PC este ano, com versões de Street Fighter IV, Resident Evil 5 e Bionic Commando já confirmadas.

Serviço de troca de facção em WoW está sendo planejado

Boas novas para os fãs do MMORPG mais popular da face da Terra. A Blizzard irá permitir aos jogadores trocarem de lado na guerra online, de Alliance para Horde, e vice-versa. O que já não era sem tempo, se você pensar bem.

“Ainda há muito a fazer sobre isso e muitos detalhes para acertarmos, mas a idéia básica é permitir aos jogadores usarem esse novo serviço para transformar um personagem já existente em um personagem equivalente da facção oposta no mesmo servidor,” disse o pôster azul no fórum da Blizzard.

“Jogadores que treinaram personagens na facção rival para seus amigos irão procurar essa função cedo ou tarde, e nós estamos felizes em estar perto de entregar isso.”

Não há data de lançamento para essa função por enquanto.

Tirar suporte a LAN de StarCraft II foi uma “decisão difícil”

A Blizzard confirmou hoje que StarCraft II não terá mesmo suporte a LAN, dizendo inclusive que foi uma decisão “difícil” de ser feita.

Declaração da companhia:

Nós não planejamos suporte a LAN em StarCraft II, estamos melhorando o Battle.net para a experiência multiplayer ideal com StarCraft II e outros futuros games da Blizzard Entertainment. Embora tenha sido uma decisão difícil para nós, sentimos que a queda do LAN e o direcionamento para o novo Battle.net era a melhor opção para garantir uma experiência multiplayer de qualidade e nos protegermos contra a pirataria.

Várias características do Battle.net como opções de comunicação avançadas, achievements, stat-tracking, e mais, exigem que os jogadores estejam conectados ao serviço, então estamos encorajando todos a usarem Battle.net o quanto for possível para extrair o máximo de StarCraft II. Nós iremos dividir mais detalhes sobre a funcionabilidade online de StarCraft II no futuro próximo.

E é óbvio que os fãs não ficaram contentes. Já existe uma petição contra a decisão. Neste momento já temos mais de 3.300 assinaturas.

Com LAN ou sem LAN, o game está agendado para este ano.

Live Arcade recebe Worms 2 e KOF'98 Ultimate Match nesta quarta-feira

Larry Hryb, diretor de programação da Xbox Live, que atende pelo pseudônimo de Major Nelson, avisou em seu blog que esta semana o canal Live Arcade vai receber Worms 2: Armaggedon e The King of Fighters' 98 Ultimate Match.

Worms 2: Armaggedon é baseado no aclamado "Worms Armageddon", originalmente lançado para PC em 1999, com conversões para Dreamcast e PlayStation no mesmo ano. Esta versão acena com cinco cenários inéditos construídos no estilo do primeiro "Armageddon", assim como 130 variações desses mapas básicos. Armas como a "super sheep", a "Holy Hand Grenade", e o "concrete donkey" de Armageddon também estão presentes, além de armamentos inéditos, incluindo um destruidor de abrigo e a "Buffalo of Lies". O game vem com novos modos de jogo também para o single quanto para o multiplayer, além de dezenas de opções para customização das minhocas.

Já The King of Fighters' 98 Ultimate Match é uma versão expandida de uma das mais consagrados capítulos da famosa franquia de luta. Originalmente feito para o fliperama, "Ultimate Match" tem como diferencial os personagens extras, somando 64 lutadores no total - o maior elenco da série até hoje -, e o multiplayer online. Além disso, é possível escolher o estilo de luta, mudando, por exemplo, o jeito de ganhar "power" (se acertando golpes no adversário ou pressionando botões).

http://www.gamechannel.hu/pictures/hirblock/thekingoffighters98ultimatematchtrailer_2.jpg

Os dois títulos chegam na próxima quarta-feira por 800 MSP cada (US$ 10).

Marvel vs Capcom 2 só no fim de Julho [Xbox Live & PSN]

Pelo menos é isso que a Capcom afirmou em seu Twitter semana passada. Havia até então um forte rumor de que o game iria sair esta semana. Uma pena que não tenha acontecido isso.

A Capcom vai colocar o game para competir com o DLC de Gears of War 2 e os games da Summer of Arcade que também devem acontecer mais para o fim de Julho e início de Agosto. Não precisava, podia lançar já que com certeza ia vender tanto quanto. Enfim, enquanto aguardamos, a empresa lançou um trailer caprichadíssimo do game, que vocês podem conferir abaixo:

O preço para quem não sabe: 1.200 MSPoints ou U$ 15.

Sega: "Relançar Moonwalker não seria uma má idéia"

De acordo com a própria Sega, o relançamento deste game seria possível. As plataformas que serião presenteadas com este game serião o Playstation 3, XBOX360 e Wii. Entretanto, a Sega já declarou que não seria uma tarefa fácil.

http://www.twogameguys.com/wp-content/uploads/2009/04/moonwalker.jpg

"Recomeçariamos tudo do zero e ainda teríamos alguns problemas em relação aos direitos autorais do game"
, declarou a Sega para o site belga "9lives".



[Preview] Soul of the Ultimate Nation no ocidente - PC

imagem


Todos já devem ter, em algum momento, ouvido falar de um MMORPG asiático: Lineage 2, Aion, Mu Online – este último desenvolvido pela mesma empresa de Soul of the Ultimate Nation, vulgo SUN – ou qualquer outro menos conhecido. Eles geralmente possuem uma abordagem um tanto quanto diferente, provavelmente devido às diferenças culturais.

Mas uma coisa é certa: nestes jogos, dedicação é valorizada acima de tudo. O game parece ser voltado ao público hardcore, embora seja gratuito. A forma de manutenção utilizada – pelo menos na Ásia – é a de uma loja virtual para alguns elementos do jogo. Ainda não se sabe se o esquema será o mesmo na versão norte-americana, mas esta é a expectativa.

Ajuste a experiência como quiser

O jogo possui diversas áreas de missões, que o jogador atravessará durante sua aventura. No entanto, a coisa não é pré-determinada como em outros títulos do gênero, e sim personalizada pelo próprio usuário. Ao entrar em uma destas zonas, você deverá escolher o número de pessoas que participarão de sua “instance”, a dificuldade, o nível dos jogadores... Enfim, todas as características.

Este sistema parece limitar a jogabilidade às famosas “instances”, e teremos que esperar para ver se não tornará a coisa toda repetitiva demais. Mas ao menos isto permite que a experiência seja adaptada às diferentes situações em que o jogador se encontra, caso não possua amigos online naquele momento ou queira enfrentar um desafio maior.

imagem


Falando em desafio maior, o game certamente passa a ideia de demandar muitas horas de dedicação, sendo que até mesmo um desenvolvedor declarou que é um título que agradará aos aficionados por colecionar itens – já que existirá uma variedade imensa destes. Isto é reforçado pelo fato de que estes itens, o “loot”, pode ser utilizado por qualquer um dos personagens da conta do jogador.

Personagens estes que são divididos em cinco classes diferentes: Dragon Knight, um guerreiro que eventualmente possui a habilidade de se transformar em um dragão; Berserker, outro guerreiro, mas que sacrifica defesas em favor de habilidades ofensivas; Valkyrie, uma combatente especializada no combate à distância; Elementalist, um mago razoavelmente tradicional; e o Shadow, um misterioso personagem que utiliza poderes sombrios.

MMO, mas bebendo de outras fontes

O estilo do game promete ser fortemente baseado em “hack n’ slash”, focando muito mais no combate do que na parte RPG. Isto torna a coisa toda bastante básica: enfrentar inimigos para evoluir seu personagem e enfrentara inimigos mais fortes, acumulando tesouros no caminho. Não é original, mas vários títulos já provaram que isto pode ser divertido.

A apresentação é tipicamente oriental, naquele famoso estilo de personagens com armaduras e armas absurdamente grandes e coloridas, além de cenários exóticos. O game já está rolando na Coréia e na China desde 2007, então os gráficos obviamente não são so mais avançados que conhecemos.
Se você está procurando algum MMO com uma premissa diferente, e curte o estilo oriental – além de estar disposto a devotar várias horas ao título – SUN pode ser uma boa pedida. Fique de olho para o lançamento da versão norte-americana do game ainda este ano.





Fable III está mesmo em produção (e diretor não será Molyneux!)

fable2seethefuture

Fable III acaba de ter sua produção confirmada do modo mais bizarro possível.

Na sessão de casamentos do New York Times há o anúncio do casamento de Joshua Atkins, funcionário da Lionhead Studios.

O que isso tem haver com Fable? Bem, na apresentação e qualificação dos noivos há um trecho interessante:

“O Sr. Atkins, 34, é o Designer Chefe de Fable III, video game produzido pela Lionhead Studios em Guildford, Inglaterra.”

Como todos sabem, o cargo de Designer Chefe (chamado de Diretor, no Brasil) – o mais importante cargo na produção de um game – foi ocupado pelo emblemático Peter Molyneux nos dois primeiros games, o que impede da nota ser um erro de digitação. Peter Molyneux foi recentemente promovido a Diretor Criativo da Microsoft Europa o que justificaria seu afastamento do terceiro game da série.

Fable III confirmado crianças e com novo Designer…

Animados, preocupados? Compartilhem seus pensamentos !

Número de mulheres gamers cresce em 2009

girlgamer1

Graças à insistência de diversos namorados por aí, ou talvez por vontade própria, as mulheres estão dando mais atenção aos jogos nesse ano de 2009. O crescimento já era constante, mas é notável agora, com 5% a mais do que o ano passado nos EUA.

De acordo com o grupo de pesquisa NPD, o crescimento de jogos casuais favorece esse crescimento. E, adivinhem: o Wii é o fator principal.

“Ano passado foi um dos mais mudados na história em termos de definição da audiência pra os jogos,” disse a analista do grupo, Anita Frazier.

“Mesmo com o crescimento da competição em celulares e redes sociais nos jogos, o segmento de consoles incluiu muito mais participantes no ano passado.”

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Imagens e requisitos da versão PC de Need for Speed: Shift

Além de algumas novas telas, a Electronic Arts revelou as especificações da versão PC de Need for Speed Shift, próximo título de sua popular série de corrida. Apresentado em janeiro deste ano, este é um dos três games da franquia que a companhia prepara.

http://ve3dmedia.ign.com/images/04/41/44182_orig.jpg

O diferencial de Need for Speed Shift é que pretende ser um jogo de corrida "autêntico", que promete oferecer uma "experiência verdadeira de pilotagem", segundo a produtora, o que sugere um viés de simulador à série que sempre teve uma mecânica "arcade", privilegiando os controles simples e um dinamismo exagerado.

O game contará com uma visão de cockpit, com simulação fiel das leis da física, que "permite sentir cada impacto, cada troca de superfície". O título está sendo desenvolvido pela Slightly Mad Studios, produtora independente fundada pelo desenvolvedor Ian Bell, de GT Legends e GTR 2. O game prevê carros de alta performance, como o Pagani Zonda F, Porsche 911 GT2 e Lotus Elise.

http://blog.ypsilon2.com/fp-content/images/nfs_shift_audi_4.jpg

Além de Need for Speed Shift, a Electronic Arts também produz "Need for Speed Nitro", para Wii e Nintendo DS, que promete ter um "visual novo e único", e o título multiplayer sem limite de jogadores para PC, "Need for Speed World Online". Há também um jogo que está sendo feito pela EA Black Box (produtora das edições anteriores da franquia), que ainda não teve seu título revelado.

Confira se sua máquina está dentro dos requisitos de sistema.

Configuração mínima
Windows XP SP3 / Vista SP1
Pentium IV 3,2 GHz (3,4 GHz para o Vista)
1 GB de memória RAM (2 GB para o Vista)
Placa de Vídeo de 256 MB compatível com Shader Model 3.0
Placa de Som compatível com DirectX 9.0c
10 GB de espaço livre no disco rígido

Configuração recomendada
Windows XP SP3 / Vista SP1
Core 2 Duo 2,5 GHz / Athlon 64 X2 2 GHz
2 GB de memória RAM (3 GB para o Vista)
Placa de Vídeo de 512 MB compatível com Shader Model 3.0
Placa de Som compatível com DirectX 9.0c
10 GB de espaço livre no disco rígido

O lançamento de "Need for Speed Shift" está agendado para o final deste ano para PC, PSP, DS, Xbox 360 e PlayStation 3.

Trailer Apocalíptico de Darksiders [X360 & PS3]

Aí está um game que não estava dando muita bola. Mas depois do trailer abaixo, acredito que valha a pena ficar de olho nele e comentar aqui no blog. Bem, tudo mundo sabe que existem 4 Cavaleiros do Apocalipse, estou certo? Eles são chamados de Morte, Fome, Conquista e Guerra. O game traz um dos quatro cavaleiros: A Guerra!

Pronto, você não precisa saber mais nada. O resto está no trailer. Demônios, monstros e cenários infernais pela qual o jogador deve passar derrotando todos os inimigos que aparecerem. O jogo segue um estilo Devil May Cry, com visão em terceira pessoa e muita ação. Se houver um sistema de poderes, combos e level bacana, vale a pena experimentar. Vou ver mais vídeos e trailers para continuar falando do game aqui futuramente.

Jogo desenvolvido pela Vigil Games e distribuido pela THQ. Tudo bem que não são estúdios hypados atualmente, mas acho que vale uma chance e acompanhar como Darksiders vai se sair quando for lançado no dia 25 de Agosto. Para Xbox 360 e Playstation 3.

E um bônus, a imagem que abre esta post é um wallpaper. Só clicar nela para ver em tamanho colossal e salvar no seu PC.