terça-feira, 30 de abril de 2019

Kojima revela como foi recomeçar após sua saída da Konami !!

A saída de Kojima da Konami foi um dos momentos mais controversos nos últimos anos do mundo dos games - o fim de uma parceria altamente aclamada de onde saiu a série Metal Gear Solid. No Tribeca Film Festival em Nova Iorque, e segundo o site GamesRadar, Kojima falou um pouco mais sobre essa situação, revelando como foi começar Death Stranding a partir do zero em um painel que só contava com a estrela do jogo, Norman Reedus, e ainda o apresentador dos The Game Awards, Geoff Keighley. 

https://cdn.mos.cms.futurecdn.net/gnVk6TmRjXzuLTxc9qBLha.jpg

"Criei jogos durante 30 anos e estava muito confiante em criar jogos, mas não tinha nada por onde começar. Foi do zero. Não tinha escritório, nem equipe, nem materiais ou coisas com o que trabalhar, nem máquinas", revela Kojima. "Pensei que tinha perdido tudo mas descobri que tinha muitas conexões. Com o pessoal da Sony, com Norman Reedus, com Geoff Keighley. Queria mesmo me reaproximar dessas pessoas, que achei que eram muito importantes."

Kojima ainda revelou mais detalhes sobre como conseguiu começar a criar Death Stranding: "Foi difícil começar do zero mas lentamente descobri que não tinha perdido nada. Não foi propriamente tão difícil. Tive sorte uma vez que tinha todas estas conexões... Normalmente, com uma pessoa que trabalha em Hollywood, se eu explicar aquilo que eu tenho na minha cabeça, ela nunca dirá "OK" para se envolver, para fazer parte do projeto, mas estou muito feliz por terem aceitado. O mesmo aconteceu com o Mads Mikkelsen; expliquei verbalmente e ele disse "OK, vou participar." O presidente da agência do Mads disse que foi a primeira vez que ele disse sim sem ver qualquer folha ou arte conceitual".