terça-feira, 7 de maio de 2019

Capcom fala sobre os seus resultados financeiros !!

A Capcom falou no seu mais recente relatório financeiro sobre as expectativas ultrapassadas com Resident Evil 2 Remake e na forte performance de Devil May Cry 5. Foi também falado sobre a vontade de se criar mais jogos Japoneses com estilo para uma audiência global, e Capcom também falou sobre os seus mais recentes lançamentos.

https://im.ziffdavisinternational.com/ign_pt/screenshot/default/kbkwm-tuln-n-qym-lbh-fy-mrd-e3-2014-gqf9640_85fr.jpg

A Capcom acredita que os gráficos em alta resolução, a inteligência artificial e a imersão da realidade virtual vão permitir um maior realismo, e pretende apostar nisso, mas não quer abandonar a sua identidade Japonesa.

"Nos últimos anos, enquanto o mercado doméstico amadurece, mais esforços para aumentar as vendas nos maiores mercados estrangeiros se tornam essenciais para manter um crescimento sustentado. Assim sendo, a companhia desenvolverá e venderá jogos que apelam para as diversas necessidades dos consumidores, incluindo jogos populares no estrangeiro, aumentando assim a satisfação do consumidor e assegurando uma vantagem competitiva."

A Capcom pretende apostar mais nos eSports e pretende reforçar as suas divisões existentes que estão tendo sucesso, para criar um ambiente mais coeso e mais eficiente, fortalecendo assim, o valor da empresa. Séries como Devil May Cry, Mega Man, Monster Hunter, Resident Evil e Street Fighter foram dadas como exemplos a seguir devido ao seu potencial para inspirarem produtos fora da indústria dos jogos. No entanto, a Empresa continuará a trabalhar nestas séries para apresentar mais títulos que satisfazem os jogadores. A Capcom fala especialmente em jogos "Japoneses com estilo", capazes de agradar audiências mundiais.

"O desenvolvimento do mercado estrangeiro vai se tornar crucial para promover estratégias de crescimento coforme o mercado doméstico amadurece. Os jogos Japoneses, juntamente com a animação e manga são coletivamente referidos como 'Japão Goods' e ganharam popularidade entre os jovens em todo o mundo, transformando-se em uma linguagem global comum."

"A Capcom já é dona de vários jogos populares no Ocidente, incluindo Resident Evil e Street Fighter, que se transformaram em filmes de Hollywood, e com o crescente número de fãs de Monster Hunter: World no promissor mercado Asiático, pretendemos promover de forma agressiva a expansão global para criar mais oportunidades de negócio."
"A popularidade de Resident Evil 2 ultrapassou as expectativas e liderou a performance da companhia. Devil May Cry 5 tinha como alvo os mercados estrangeiros e também teve uma performance forte, apoiada por uma consistente procura." Os dados mais recentes indicaram que foram vendidas mais de 4 milhões de unidades de Resident Evil 2 Remake e 2 milhões de unidades de Devil May Cry 5, mas a Capcom ainda não atualizou esses números, então esses números podem ser maiores.

A Capcom ainda falou sobre as vendas da série Monster Hunter, que continuam a gerar receitas para a companhia, especialmente Monster Hunter: World - tido como "um fenomenal sucesso no ano fiscal anterior, que manteve a popularidade através do crescimento do número de jogadores." A companhia destacou a performance de Monster Hunter: World na Steam e falou das vendas robustas de Monster Hunter Generations Ultimate para o Nintendo Switch, após o lançamento fora do Japão.

Mega Man 11 e Street Fighter 30th Anniversary Collection também foram destacados pela sua performance, enquanto Resident Evil 7 foi elogiado pelas suas vendas digitais, com uma maior margem de lucro.