sábado, 4 de abril de 2020

Phil Spencer: "Xbox Series X será muito bom em termos de preço e poder" !!

Phil Spencer está confiante que os jogadores vão olhar favoravelmente para o Xbox Series X porque o preço do novo console será adaptável e competitivo (via VGC). Em uma entrevista para o site IGN, Phil Spencer falou sobre os erros cometidos pela empresa no lançamento da Xbox One em 2013, afirmando que o atual console será muito bom em termos de preço e também de poder.

https://s2.glbimg.com/WM_jN0LiFTvZbwf6oIswB0WzzCE=/0x0:695x390/984x0/smart/filters:strip_icc()/i.s3.glbimg.com/v1/AUTH_08fbf48bc0524877943fe86e43087e7a/internal_photos/bs/2020/9/b/vkLphMRaOX8NnPZFaEHQ/xbox-series-x-joystick-pilha.jpg

Contudo, olhando para a chegada da nova geração de hardware Xbox, Phil Spencer afirmou que a divisão não vai cometer os mesmos erros do passado. “Me sinto confiante sobre o preço que vamos conseguir atingir,” comentou. “Me sinto confiante sobre as capacidades do preço e da performance que temos com o Xbox Series X. Sinto-me extremamente forte sobre o pacote completo,” disse ele na entrevista.

Sobre o preço, o Xbox será “ágil” na reação aos seus competidores. “Vamos definitivamente manter os nossos olhos abertos a caminho do lançamento, olhando para o que a competição está fazendo. Mas temos um plano e nos sentimos incrivelmente sólidos com o nosso plano. Achamos que é um plano vencedor… Sinto que temos um plano que pode vencer,” comentou.

Mesmo que o Xbox Series X seja mais barato do que o PlayStation 5, o produto precisa obviamente de outros atributos para convencer os consumidores a comprá-lo em detrimento da concorrência. “Temos que obviamente ter um preço competitivo, temos que ter uma oferta que corresponde às necessidades dos clientes que querem em muitos casos exceder as necessidades do que eles esperam, e olhando para a resposta ao Xbox Series X, eu me sinto muito bem sobre isso,” afirmou Phil Spencer.

“Mas quando eu penso sobre programas como o Xbox GamePass e o quão importante eu acho que isso pode ser na decisão de compra para alguém, quando penso em coisas como a Smart Delivery, o nosso programa de retrocompatibilidade… estamos aí quebrando alguns argumentos tradicionais que estão no espaço dos jogos nos consoles porque estamos tentando colocar o consumidor no centro,” acrescentou.