terça-feira, 30 de novembro de 2010

Produtor de NFS: Shift 2 critica Forza 3 e GT5 !!

A luta pelo trono do rei dos simuladores de corrida parece estar aquecendo cada vez mais.

Andy Tutor, desenhista chefe de Shift 2: Unleashed, parece não se poupar a palavras quando é para falar sobre os seus grandes rivais Gran Turismo 5 da Sony e Forza Motorsport 3 da Microsoft.

http://assets.vg247.com/current//2010/11/shiftunleashed.jpg

Em entrevista ao Site Eurogamer Tutor disse que, "Esses dois jogos estão neste momento num pedestal. Quando pensamos o que queremos fazer neste jogo, não queremos um jogo de números. Não iremos adicionar centenas de carros irrelevantes."

"Esses dois jogos, para mim, são quase como que enciclopédias. Têm umas centenas de carros, centenas de pistas, seja lá o que for, e basicamente o jogo é sobre ganhar dinheiro para se comprar outro carro e assim sucessivamente. É quase como que colecionar selos."

Gran Turismo 5 conta com mais de mil carros e o jogo da Turn 10, Forza Motorsport 3 conta também com um número bastante considerável de carros. No entanto para Tutor, ter carros e comprar mais carros para ter mais carros, faz com que a experiência de simulação se torne aborrecida.

"Não é aí que está a diversão," disse ele. "A diversão está na condução, sentir que se está no limite, colocando os carros que são verdadeiramente relevantes e legais de conduzir, permitindo que você os personalize completamente, e dando ao jogador a oportunidade de jogar contra os seus amigos de uma forma social."

Tutor afirmou que a maioria dos carros da Polyphony Digital e da Turn 10 não são utilizados. Para ele os jogadores ficam com entre 10 a 15 carros. "Os jogadores certamente que não irão encher a sua garagem com todos os carros que existem no jogo."

Patrick Soderlund, encarregado dos jogos de corrida e condução da EA, foi bastante explicito ao dizer que quer bater Gran Turismo 5 e Forza 3. "Pensamos que podemos competir e nos tornarmos líderes do segmento da simulação automobilística autêntica," disse ele.

"Um dos pontos fortes que temos é, que além do fato de termos uma produtora muito talentosa trabalhando conosco e que agora temos uma marca já estabelecida neste segmento, temos também a vantagem de termos uma oferta multiplataforma."

"Forza pode ser comprado apenas para os que tiverem um Xbox e Gran Turismo só está disponível no PlayStation. Neste momento somos os únicos que podemos oferecer algo de peso em todas as plataformas."

Será que foi muito agressivo? A verdade é que o objetivo de Soderlund parece música para os ouvidos de Tutor e da Slightly Mad. "Basicamente temos uma forma diferente de pensar. Nós queremos apanhar estes tipos. Queremos fazer uma experiência mais autêntica."

2 comentários:

João Pedro disse...

Esse camarada tá falando com uma prepotência sem tamanho. Shift 2 vai ter que brigar contra Forza no Xbox e contra GT5 no PS3, ou seja, contra dois exclusivos e por causa disso a produtora é obrigada a ter um cuidado extremo na jogabilidade, além do que esse vai ser o principal ponto do jogo já que ele não vai ter a imensa variedade de carros que os dois exclusivos possuem. Eu não vou falar do gráfico porque pelas imagens parece que ele está muito bom mas se a jogabilidade não vier como esse Tutor está falando, isso vai dar uma brecha pra um monte de gente falar um monte de coisas (lê-se fanboys)!

Ricardo Figueredo disse...

Que besteira diz ele. "Colecionador de sêlos?"

Eu vou encher a minha garagem de carros sim! E daí?