terça-feira, 17 de novembro de 2020

Jim Ryan não revela se God of War Ragnarok também será lançado no PS4 !!

Desde que o novo God of War foi anunciado para o PlayStation 5 em Setembro, a esperança de que o jogo também saia no PlayStation 4 ainda existe entre os fãs que ainda não estão preparados para comprar o novo console. Em uma entrevista para o The Telegraph, Jim Ryan, CEO da Sony Interactive Entertainment, foi perguntado se teremos uma versão do PlayStation 4 de Ragnarok (via VGC). 

https://meups.com.br/wp-content/uploads/2019/02/Jim-Ryan-1024x576.jpg

E o CEO não excluiu essa possibilidade, limitando-se a responder “Desculpem. Não tenho nada a dizer sobre isso hoje”. Se torna evidente que essa possibilidade ainda está na mesa, havendo argumentos para qualquer um dos desfechos. Se por um lado a Insomniac Games confirmou que Ratchet & Clank: Rift Apart será um jogo exclusivo do PlayStation 5, por outro lado a Sony abriu o precedente com Marvel’s Spider-Man Miles Morales, Sackboy A Big Adventure e Horizon Forbidden West, jogos que terão versões para PlayStation 5 e PlayStation 4.

Ainda na mesma entrevista, o jornalista falou sobre o fato de alguns fãs estarem desiludidos com a Sony estar desenvolvendo jogos para o PlayStation 5 que também serão lançados no PlayStation 4, um console obviamente mais fraco. “A primeira coisa que quero dizer é que as nossas experiências no PS5 ou versões desses jogos são construídas do zero para tirar vantagem do conjunto de funcionalidades do PS5,” disse Ryan em resposta a pergunta de por quanto tempo a Sony irá continuar a lançar jogos nas duas gerações.

“Então acho que oferecer uma versão para o PS5 desses jogos para a comunidade do PS5 e depois uma versão do PS4 desses jogos para a comunidade do PS4, não vejo mal nisso. Temos uma comunidade de jogadores no PS4 com 100 milhões. Seria errado nos afastarmos dessas pessoas tãoo cedo. E elas têm interagido mais com o seu PS4 esse ano com o confinamento do que em alguma vez ao longo do ciclo de vida do console. Eles estão usando o seu PlayStation. Estão contentes com o seu PlayStation. Por qual motivo nós deveríamos parar de lhes dar jogos?”